yFechar menu
Não encontrou?

Pesquisar...

“DNA do Comportamento de Liderança”

Parceiro exclusivo da Dasein no Brasil, Lee Ellis acaba de lançar mundialmente seu livro “Leadership Behavior DNA”, metodologia inovadora que investiga as diferenças individuais e o comportamento humano. Nesta entrevista, ele fala mais da obra realizada em co-autoria com Hugh Massie e como ela pode auxiliar no desenvolvimento de lideranças.

A metodologia  “Leadership Behavior DNA” (DNA do Comportamento de Liderança) é o tema central do seu novo livro, em parceria com Hugh Massie. Para os brasileiros que ainda não conhecem as vantagens dessa metodologia, você poderia enfatizar a sua importância para o crescimento de profissionais e empresas?

O desafio de lidar com as diferenças individuais do comportamento humano tem estado presente em todas as famílias e nos ambientes de trabalho desde o início dos tempos. No entanto, ser capaz de identificar e administrar, consistentemente, essas diferenças nunca foi na verdade uma iniciativa adotada efetivamente na sociedade, especialmente no ambiente de trabalho.

Compreender comportamentos naturais e inatos nos possibilitaria administrar melhor os nossos pontos fortes e fracos, adaptando as nossas expectativas e a nossa forma de comunicação para nos relacionarmos melhor com os outros, o que é essencial para desenvolver uma boa liderança, um trabalho em equipe colaborativo e, principalmente: o sucesso da missão.

Uma das principais referências em liderança mundial, Lee Ellis é parceiro exclusivo da Dasein no Brasil.

Como essa compreensão básica do comportamento natural é adquirida por nós desde cedo, amigos e colegas começaram a nos solicitar ajuda em diversas situações relacionadas aos negócios – particularmente em áreas relacionadas à esfera dos recursos humanos: contratação, gestão, motivação, desenvolvimento e retenção de pessoal. Após adquirirmos insights utilizando outras ferramentas de avaliação – algumas das quais criadas, registradas e usadas por nós -, estava claro que era necessário desenvolver e aprimorar uma nova forma de avaliação que incorporasse, ao mesmo tempo, as mais recentes pesquisas e a nossa profunda experiência adquirida após anos de coaching e treinamento de clientes.

Este esforço nos levou ao melhor assessment sobre o comportamento do DNA do mercado, empregando oito fatores comportamentais que representam 16 traços poderosos. O alicerce científico deste novo livro foca em compartilhar estes traços de desempenho, os quais acreditamos ser a solução para trabalhar de forma bem-sucedida com as pessoas e ter êxito em todos os tipos de relações.

Como foi o trabalho colaborativo com o Massie e qual é o principal benefício da união de experiências tão valiosas?

O Hugh e eu somos ao mesmo tempo semelhantes e diferentes em nossos talentos. Nós tendemos a ver o mesmo panorama geral rapidamente, mas podemos responder de forma diferente porque os nossos traços são diferentes. Obviamente, nós também tivemos experiências diferentes, assim como nossa paixão e vocação.

Se você nos considerasse apenas pelas nossas antigas profissões, você jamais esperaria que nos tornássemos colegas de equipe. Não havia nada nas nossas experiências anteriores que indicassem que a nossa paixão e vocação estaria focada coletivamente na área do comportamento humano.

Na minha primeira profissão eu era oficial da Força Aérea dos Estados Unidos, piloto de caça e instrutor de voo, com cargos de liderança em todos os níveis ao longo de vinte e cinco anos, até eu me aposentar como coronel. O Hugh cresceu na Austrália e se tornou um contador público reconhecido em Sidney, Singapura e Bangkok, trabalhando em cargos de liderança em uma das mais reconhecidas firmas de contabilidade, antes de fundar a sua própria empresa de gestão patrimonial em Sidney.

Agora, já faz aproximadamente 20 anos que nós começamos a dialogar sobre o nosso interesse comum a respeito do comportamento natural e sobre como o investimento em talentos naturais poderia nos ajudar a atingir diferentes objetivos no ambiente de trabalho. Nós celebramos as nossas diferentes perspectivas que tornam a metodologia mais holística no sentido de compreender o comportamento humano.

Compreender profundamente as diferenças e saber administrá-las para ganhar comprometimento e produtividade. Este é um dos benefícios da metodologia “DNA do Comportamento de Liderança”. Ao ler o livro, é possível que o leitor coloque este conceito em prática no seu dia a dia de trabalho? Como ele poderia fazer isso?

O que muito prejudica o trabalho em equipe é o fato de as pessoas serem elas mesmas. Esta é a realidade. Cada pessoa é única e, em geral, as pessoas que mais necessitamos em nossas vidas e no trabalho são aquelas mais diferentes de nós – o que geralmente as tornam as mais difíceis de nos relacionarmos. Esta importante constatação é crucial ao estabelecer a confiança necessária para formar equipes integradas – equipes que possam trabalhar sob estresse e que possam superar os desafios de um mundo altamente competitivo que se modifica rapidamente.

Primeiramente, nós devemos aplicar a “Platinum Rule” nas nossas interações diárias – “Faça para os outros o que gostariam que fizessem para você”. Apesar de ser uma regra muito simples, é muitas vezes difícil compreendê-la e sempre desafiador praticá-la. Nós nos referimos a esta regra muitas vezes ao longo do livro devido a sua importância.

Em segundo lugar, se você identificou e removeu alguns dos seus filtros limitantes e das suas lentes distorcidas (ou tendenciosas), você será capaz de observar os outros a partir de uma perspectiva mais apurada e equilibrada. Este tipo de conscientização possibilitará que você experimente os benefícios poderosos e positivos das diferenças individuais.

Em vez de esperar uniformidade das necessárias e divisoras diferenças individuais (como talento, motivações, interesses, necessidades e estilos), equipes bem-sucedidas celebram as diferenças e focam nos atributos que as unem (missão, comprometimento/lealdade, valores organizacionais, oportunidades e diretrizes/disciplina). Quando há um desacordo ou uma confusão entre estas duas listas (diversidade e uniformidade), é provável que ocorra uma ruptura na confiança, na integração, no comprometimento e no trabalho em equipe. Faça da clareza uma prioridade.

Hugh Messie é co-fundador do DNA Behavior Internacional e mentor de executivos.

Em 1967 você foi prisioneiro de guerra no Vietnã e conseguiu transformar esta drástica situação em um aprendizado honroso. Como essa experiência contribuiu para o desenvolvimento do “DNA do Comportamento de Liderança”?

Durante o período como prisioneiro de guerra no Vietnã, as condições de vida variavam entre o isolamento total e celas com de quatro a seis pessoas, mas no final eu passei dois anos preso em uma grande sala com 52 companheiros de cela que eram tripulantes de voo muito determinados e competitivos. Não havia paredes nesta cela de aproximadamente 170 m², que estava entupida de pessoas. Os prisioneiros de guerra dormiam grudados em camas de concreto suspensas. Havia momentos difíceis, mas era um laboratório perfeito para aprender sobre a natureza humana e praticar a “Platinum Rule” (citada na pergunta anterior) – muito antes de ser nomeada como tal.

Com pouco a fazer, a maioria de nós concluiu que era uma boa oportunidade para crescer e se desenvolver. Em pouco tempo, nós organizamos um programa educacional com aulas acadêmicas formais seis dias por semana. Era opcional, mas a maioria das pessoas se interessou em algumas aulas. O trabalho em equipe naquela cela foi memorável.

Nós organizamos tudo, designávamos e revezávamos as funções e, o mais importante, nós aprendemos sobre o poder de respeitar e cuidar dos outros – até aqueles que mais nos irritavam. Apenas duas vezes, nestes 20 meses, alguém levantou a voz para o outro e, nos dois casos, eles se desculparam antes da hora de dormir. Além da grande conscientização sobre os pontos fortes e fracos de cada pessoa, nós também aprendemos a viver a “Platinum Rule” e efetivamente administrar as nossas diferenças.

Tirar os profissionais da zona de conforto e encorajá-los a colaborar com a equipe como um todo é um dos principais desafios para os líderes. Como o livro pode contribuir para esta tarefa?

Nos nossos treinamentos e workshops, sempre iniciamos com a compreensão de que a própria autoconsciência é essencial para o desenvolvimento. A partir do momento em que eles adquirem insights sobre os seus pontos fortes e fracos, eles aprendem que alguns são iguais a eles e outros são muito diferentes. Rapidamente, os colegas querem descobrir como são os seus companheiros de equipe; quem é mais parecido comigo e quem é diferente e em quais aspectos? Felizmente, há uma forma simples de se beneficiar dessas informações utilizando o Relatório de Desempenho da Equipe do DNA de Comportamento. Ele fornece uma visão ampla e clara da equipe e destaca como as diferenças individuais do DNA do Comportamento impactam a dinâmica nas equipes de uma forma muito real e poderosa.

Os companheiros de equipe podem visualizar como eles são diferentes e utilizar essa informação para ter expectativas realistas sobre cada um. Cada pessoa pode compreender e valorizar os diferentes talentos de todos da equipe. Fica evidente para o líder que cada pessoa é única e que precisa ser incentivada, administrada e ter um diálogo de forma diferente.

O processo de descoberta e o consequente fluxo de aprendizado são tão lógicos e transparentes que facilitam a criação de um ambiente que liberta as pessoas da vulnerabilidade, o que proporciona um diálogo aberto sobre os seus pontos fortes e fracos. A autoconsciência e a consciência do outro aumenta a objetividade que simplifica a vulnerabilidade e constrói a confiança entre a equipe. Há uma seção inteira no livro dedicado a este processo da dinâmica em equipe, mas as duas primeiras seções moldam a estrutura necessária para aplicar este conhecimento.

Conteúdos

Relacionados

A era da mobilidade ou como lidar com a revolução digital nas empresas

A era da mobilidade ou como lidar com a revolução digital nas empresas

Hoje, na era da mobilidade, aplicativos e redes sociais...
Certificação Internacional

Certificação Internacional

    Uma empresa com atuação independente, com excelência...
Receba novidades

Newsletter

Para acompanhar nossas novidades, insights e outros formatos de conteúdo, cadastre-se e siga conosco. Será um prazer ter a sua companhia nessa jornada.