yFechar menu
Não encontrou?

Pesquisar...

Habilidade com as pessoas, visão e coragem para encarar e vencer desafios. Princípios que foram aprendidos na infância com o pai e escolhidos para uma vida inteira. Apesar de breve, essa descrição nos ajuda a entender um pouco os valores que alicerçam a carreira do engenheiro metalurgista Hélcio Guerra, referência internacional no setor de mineração. Até pouco tempo (2016) ele estava à frente da AngloGold Ashanti como VP Sênior – Américas, o mais alto cargo executivo da multinacional em suas operações no Brasil, EUA e Argentina.

Após uma longa e rica experiência como gestor (também atuou como diretor de Minerais Industriais e Metais Nobres da Vale) decidiu mirar em um novo desafio e dedicar-se à Biz Invest, empresa com foco em fusões e aquisições, da qual é sócio. Gentilmente, ele nos concedeu esta entrevista exclusiva onde abordou sua visão sobre liderança, desenvolvimento profissional e ainda revelou aspectos de sua vida pessoal, como referências literárias que despertaram um novo olhar para o mundo. Confira e inspire-se você também!

Olhar aguçado para identificar oportunidades, capacidade de se reinventar. Habilidade para liderar e tomar decisões cruciais. Essas são algumas competências importantes em sua trajetória, de acordo com o ponto de vista de especialistas. Agora conte-nos, a partir do seu olhar, quais foram as principais competências que te levaram a ser um líder de sucesso e porque.

Como premissa, todo profissional deve estar atento ao contexto e ambiente de negócios para poder identificar as oportunidades no momento certo e ter as informações necessárias para tomar decisões adequadas. A busca por conhecimentos e o aprendizado contínuo são fundamentais para as decisões. Igualmente crítico, ou ainda mais crítico, é acreditar que somente pessoas te ajudarão a atingir quaisquer objetivos, de qualquer natureza. O respeito às pessoas, a criação de um ambiente de confiança aberto para ouvi-las e valorizá-las é mais do que essencial. A conjunção do aprendizado e o suporte das pessoas são fatores determinantes para o sucesso.

O senhor é graduado em engenharia metalúrgica e fez especializações em instituições de ensino de renome internacional, como o MIT (Massachusetts Institute of Technology). Como essas experiências acadêmicas contribuíram para sua capacidade de liderança?

A exposição a diferentes escolas de pensamento, estilos e competências em diversos campos de atuação permitem uma visão ampla dos negócios. Isso não restringe ao conhecimento técnico específico, como o de um engenheiro, mas de entendermos as pessoas, a sociedade, as leis, as finanças, os contratos. Enfim, o profissional hoje tem que ser o mais completo possível e a educação continuada passa a fazer parte da vida profissional.

Unir prática/técnica profissional e dedicação à pesquisas acadêmicas é um caminho importante para quem quer ocupar cargos de liderança. Porque?

As pesquisas acadêmicas aplicadas a situações reais, mais além do que as teorias, contribuem para soluções de questões muitas vezes complexas, que requerem um aprofundamento de olhar de forma metodológica e sistemática. Os executivos se deparam com essas questões no dia a dia e precisam tratá-las adequadamente.

Em termos de desenvolvimento profissional, quais são suas apostas? O senhor busca orientações de consultores especializados, frequenta cursos/rodada de negócios, ou tem outro método que gostaria de compartilhar?

Além do autodesenvolvimento pessoal e profissional, é necessária a orientação de consultores, cursos e especialização, estar presente e exposto às diversas áreas e atividades dentro e fora da empresa. Compartilhando os desafios, contribuindo com a sua visão, ouvindo e aprendendo, o executivo se livra da armadilha de dar a solução já vivida para questões aparentemente iguais, mas que não são necessariamente iguais. Ter a paciência e a resiliência para tratar cada questão pode gerar soluções muitas vezes melhores.

O senhor é uma liderança que inspira diversos profissionais. Mas gostaríamos de saber quem te inspira atualmente (pode ser uma figura pública ou não).

É claro que há pessoas brilhantes a quem admiramos e com quem aprendemos. Tiro muitas lições no esporte, algo por que sou apaixonado. E os exemplos tanto em esportes coletivos ou individuais estão sempre nos surpreendendo, nos ensinando e nos inspirando.

Na perspectiva individual, quem sempre me inspirou foi o meu pai Helcio Pires Guerra, hoje já falecido. Os valores e princípios, a habilidade com as pessoas, a visão e a coragem para encarar e vencer desafios, enfim, intuitivamente, sempre enxerguei que essas qualidades e atitudes valiam a pena serem seguidas .

Na construção de sua trajetória, existe alguma referência cultural (um livro, um filme, por exemplo) que o influenciaram de forma marcante? Se sim, porque?

Dois livros de George Orwell, já antigos e bastante conhecidos, me marcaram muito na juventude: “1984 e “Animal Farm” (A Revolução dos Bichos, título em português). Essa capacidade de antever a sociedade e entender o comportamento humano coletivamente foram insights fantásticos. Uma leitura que te faz refletir não somente no momento de ler este ou aquele livro, mas que após muitos e muitos anos ainda te marcam é uma obra-prima.

Compartilhe uma frase ou ensinamento presente em sua memória.

Pode parecer um pouco estéril e até pouco profunda, mas é muito válida: “se você não é parte da solução, você é parte do problema! “

Conteúdos

Relacionados

Otimismo na adversidade

Otimismo na adversidade

Como a compreensão, o acolhimento e a ação podem...
Felicidade nas Relações Amorosas. É possível?

Felicidade nas Relações Amorosas. É possível?

“Para onde vai a minha vida e quem a...
Não encontrou?

Pesquisar...

Receba novidades

Newsletter

Para acompanhar nossas novidades, insights e outros formatos de conteúdo, cadastre-se e siga conosco. Será um prazer ter a sua companhia nessa jornada.