yFechar menu
Não encontrou?

Pesquisar...

Desacelere: uma pausa na rotina, por Isa Ribeiro

Grandes coisas são feitas de muitas coisinhas

*Por Isa Ribeiro

 

Fiz a unha da mão

Fiz feijão

Li 5 páginas de um livro

Fiz uma nova receita de pão – esqueci o sal

Separei algumas roupas para doar

Fiz uma limpa nos esmaltes que não usava

Vi 1 temporada de Ozark

Zerei minha caixa de e-mails

“Uau, que dia produtivo!” você deve pensar. E foi, mas não aconteceu em um dia só.

Fiz tudo isso nos últimos 8 meses… É, 8 meses.

Isa está olhando para frente e sorrindo

Isa Ribeiro é comunicóloga, escritora e fotógrafa.

Em tempos em que falamos tanto em produtividade, infelizmente é involuntário ligarmos isso à corrida do tempo e, quanto mais atarefado e cheio o dia, melhor. Melhor? Pra quem?

Eu pensava assim, me guiava assim e, ate? hoje, brigo comigo mesma pra ressignificar o conceito do que realmente faz um dia valer a pena e ser produtivo. Afinal, nesse momento em que todos estamos vivendo e, eu, recém mãe vivendo um novo tempo (que não é mais meu), é necessário se dispor a aprender a se reequilibrar infinitas vezes – muitas delas no mesmo dia.

É preciso atualizar esse olhar que nos condicionamos a ter sobre o que é produtivo, adicionando flexibilidade e acolhimento, senão a conta não fecha… Senão a vida será apenas cobrança, frustração e nível -100 de motivação. E eu acredito que não é assim que você quer viver. Sinceramente, se for pra ser dessa forma, eu abro mão de ter o meu checklist completo.

E?, eu sei, é difícil ser tudo que sempre fomos e almejávamos viver em meio a uma pandemia.

Então, que a gente busque ser o melhor possível nas nossas partes – sendo o possível pra gente, não o possível do outro. Isso é viver uma vida com excelência.

Faça o que precisa ser feito… Mas vá aos poucos.

Peça um tempo a mais, comece pelo mais urgente. Mas vá aos poucos.

Pare, respire, descanse, curta o que você fez.

Então, no próximo dia, outro pouquinho… Não se cobre hoje com base no ritmo que você já teve ou idealizou ter.

O agora é um outro tempo, outro você.

Grandes coisas são feitas de muitas coisinhas. Que acontecem aos poucos.

Um quilômetro por vez, pra quem quer um dia completar uma maratona.

Uma página por vez, pra quem quer ler um livro.

Faça o que você quiser, faça o que te faz bem. Mas faça aos poucos. O tempo, quando aprendemos a degustá-lo, não nos desgasta.

Só quando assumimos com acolhimento as nossas metades e temos a oportunidade de sermos – humanos, inteiros. Que esse item nunca falte no nosso checklist.

*Isa Ribeiro é comunicóloga, fotógrafa e escritora. Instagram: @ribeiro_isadora

Conteúdos

Relacionados

Quando a verdade entrou nas organizações

Quando a verdade entrou nas organizações

De tempos em tempos aparece nas organizações uma nova...
Cultura alinhada ao conhecimento

Cultura alinhada ao conhecimento

Oscar mais diversificado Com a lista mais plural da...
Receba novidades

Newsletter

Para acompanhar nossas novidades, insights e outros formatos de conteúdo, cadastre-se e siga conosco. Será um prazer ter a sua companhia nessa jornada.